De cabides a expositores, dos luminosos aos nichos, o acrílico ajuda a valorizar marcas e produtos dentro dos centros comerciais do país, além de tornar ambientes mais sofisticados e exclusivos

Maior consumidor de chapas acrílicas do país, o segmento de comunicação visual é o que mais explora os benefícios que o acrílico oferece. Plástico nobre, o material ajuda a criar ambientes mais sofisticados e agregar ainda mais valor a marcas e produtos. Não por menos, está presente em quase 100% das fachadas das lojas de shopping centers de todo o país e do mundo, sejam elas mais suntuosas ou minimalistas.

Versátil, leve e bonito, o acrílico molda letreiros e luminosos de diversas cores, das opacas às translucidas. O material também é conhecido pela sua capacidade de adaptação, tamanha a facilidade com que permite combinações, inclusive com outras matérias​-primas, como a madeira, o aço, o ACM e o LED. E isso contribui, para criação de espaços e ambientes diversos, além de permitir que projetos e elementos sejam infinitamente reproduzidos em diferentes locais.

Calixto Pereira, da Evidence, ressalta que a versatilidade do acrílico é percebida já na produção dos projetos. Nenhum outro material permite tamanha flexibilização e maleabilidade: “O acrílico pode ser dobrado, colado, usinado, gravado e iluminado. É um material extremamente versátil. Por isso se adequa a tantos trabalhos e diferentes marcas”.

Com larga experiência em projetos para diferentes shopping centers de São Paulo, como o Ibirapuera, Eldorado, Morumbi, Market Place, Pereira conta que cabe ao fornecedor orientar o cliente sobre o melhor material para cada demanda: “Quando o cliente pede qualquer tipo de projeto, ele não especifica o material, ele não chega e fala eu quero de acrílico. A gente que vai escolher o material de acordo com a complexidade do projeto. Nos quiosques que fizemos, por exemplo, a comunicação visual é aplicada em acrílico, que pode ser iluminado, e também nas letras caixas. E tudo isso é possível justamente porque o acrílico é um material muito versátil “.

Carlos Santos, da Acriplanos, diz que o acrílico é capaz de agregar beleza, modernidade e durabilidade aos projetos por um bom custo-benefício. Isso sem falar que as peças feitas com o material são fáceis de limpar e reparar, caso seja necessário. “O acrílico é um termoplástico de fácil manuseio, além disso, hoje existem máquinas e equipamentos que tornam o trabalho ainda mais ágil e aumentam a qualidade de acabamento dos produtos de comunicação visual. As chapas nacionais, com oferta abundante de cores, também têm excelente qualidade e um preço acessível. São resistentes e recicláveis”.

Mais seguro, leve e com maior grau de transparência que o vidro, o acrílico é tido também como a melhor opção para PDV’s, tem conquistado cada vez mais espaço nas lojas e também vitrines, onde ajuda a destacar produtos e coleções, além de moldar campanhas e ideias. “A comunicação visual fica melhor quando se usa o material adequado para a sua definição de imagem e o acrílico é sem dúvida esse produto”, explica Antonio Ruberlei Valezi, da Polimetal.

Segundo o representante da empresa, que trabalha com inúmeras marcas aqui no Brasil e no exterior, como Mc Donald’s, Burger King, Starbucks, Iguatemi e O Boticário, entre tantas outras, o acrílico agrega beleza e elegância a qualquer projeto e se adequa facilmente a qualquer proposta de marketing, por isso, é fundamental que designers e projetistas que atuam no setor de comunicação visual o conheçam. “Esses profissionais precisam manter a unidade de diálogo da marca cliente com o público e assegurar que seu projeto harmonize com material proposto e com a identificação da marca, sem sobrecarregar sua imagem”, finaliza.

O Mercado do Acrílico nos Shoppings

De acordo com levantamento feito pelo INDAC (Instituto Nacional para o Desenvolvimento do Acrílico), cerca de 60% do uso das chapas acrílicas comercializadas no Brasil tem destino certo. O mercado de comunicação visual, no qual se enquadram letreiros e outros luminosos, sinalizadores, displays e PDV’s (displays de ponto de venda). Assim, esse segmento acaba por ser, de longe, o maior consumidor desse plástico no país, seguido pelo setor de móveis e de iluminação, responsáveis por cerca de 10% cada da utilização desse insumo.

Embora seja um número alto, o Instituto acredita que o material possa contribuir ainda mais para o mercado de comunicação visual. “A falta de informação sobre o acrílico ainda inibe seu consumo, por isso, é importante que o transformador ressalte ao seu cliente as qualidades do produto antes de oferecer um material de qualidade inferior”, explica João Orlando Vian, executivo do INDAC.

Para promover a disseminação de informações sobre o acrílico entre projetistas, designers e arquitetos, além de incrementar as vendas entre seus associados, o INDAC mantém o programa Acrílico em Ação, por meio do qual, ajuda o cliente a pensar seu projeto e encontrar um transformador de acrílico indicado para cada caso. Tudo isso, gratuitamente. Para mais infos, acesse: www.indac.org.br/acrilico-em-acao/.   

Peças confeccionadas em acrílico são chave para franqueadores que buscam imprimir desejo, além de oferecer pontos de vendas mais sofisticados e cheios de identidade.

 

Material nobre, além de leve e resistente​, o acrílico, tido como a melhor opção para PDV’s, tem conquistado cada vez mais espaço nas lojas e pontos de venda franqueados ou de grandes redes. Pedro Milano Grespan Cardozo, gerente comercial da Polimetal, conhece bem algumas das principais demandas desses clientes. A empresa trabalha com as principais redes de franquias do Brasil e do exterior: Mc Donald ’s, Starbucks e O Boticário estão entre elas. Além do segmento de franquias, a empresa ainda atende o segmento de Postos de Combustíveis, Bancos e Concessionárias. “As franquias hoje buscam produtos que entregam qualidade e durabilidade, e o acrílico oferece soluções para comunicação visual interna, expositores, letras caixa e totens, além de muitas alternativas”, afirma.

O acrílico, segundo Cardozo, é um produto que apresenta um bom custo benefício, além de ser versátil, permitindo várias aplicações de uso, com adesivos e iluminação em Led. Além disso, é um material que permite o processo de termo-formagem, no qual a chapa adquire formatos de acordo com a necessidade do cliente.

Mario Martins, da Acrilplast, empresa com mais de 22 anos de experiência, também associada do Indac, destaca a versatilidade do acrílico como um dos seus grandes atributos, inclusive na hora de produzir as peças: “Esse é um material que pode ser moldado, cortado, desenhado, colorido, iluminado, retroiluminado, translúcido ou transparente. Tudo isso permite a criação de expositores e peças extremamente chamativos”.

Ainda segundo Martins, o acrílico admite diversas combinações, inclusive com outras matérias​-primas, como a madeira ou o aço, e isso é muito positivo. “As peças, quando executadas com acrílico de boa qualidade e de forma correta, ​oferecem sempre a mesma aparência e brilho, e isso ​contribui na tarefa de reproduzir elementos que serão multiplicados em diferentes locais”, comenta.

Atributos como esses não poderiam ser deixados de lado quando o assunto é franquia. Tendo que imprimir marcas desejadas e pontos de vendas atraentes, os franqueadores não abrem mão do uso do material, capaz de atender suas demandas mais comuns, como beleza,​ modernidade, durabilidade e bom custo-benefício, entre outros benefícios: “O acrílico é de fácil manutenção e limpeza. Comparando com vidro, é mais seguro, ​em caso de quebra, e ainda mais transparente, 92% de transparência contra apenas 84% do vidro. Além disso, é mais leve. Isso, além de facilitar a aplicação, ainda ajuda a reduzir custo de frete”, explica Martins, que atende clientes dos setores alimentício, ​de ​bebidas e cosméticos, entre outros.

Atrair investidores e clientes não é tarefa das mais fáceis, a Associação Brasileira de Franchising (ABF), estima que existam cerca 3 mil marcas franqueadoras no país. Juntas elas são responsáveis por 142 mil pontos de vendas.

Valdir Lopes, da Total Acrílicos, que também conhece bem o setor, conta que o maior objetivo dos itens no ponto de venda é o de chamar a atenção das pessoas para os produtos, mas diz que as marcas têm demandado que esses itens comuniquem também seu estilo. E é, justamente, graças às varias maneiras de se transformar o acrílico e de sua grande variedade de cores, entre outros atributos, o que permite a criação de peças tão diferentes. “Além de todos os processos, a combinação de acrílico com Leds abriu uma infinidade de possibilidades para esse mercado”, destaca Lopes.

Entre inúmeros projetos, a empresa, que fica em Caldas Novas, Goiás, destaca os trabalhos desenvolvidos para a CVC. Para a rede de viagens desenvolveu toda comunicação visual interna nas lojas do Centro Oeste. Atualmente é a única empresa de comunicação visual da região homologada pela marca. Também atende lojas de varejo regionais importantes, como a Novomundo, para quem fabrica e instala toda comunicação visual, além de ter desenvolvido o expositor nas ilhas de celulares, que recebeu a marca de Novomundo Mobile.

Veja mais


Polymetal
(17) 3355-2800
www.polimetal.ind.br

Total Acrílicos
(64) 3453-2691
www.totalacrilicos.com.br

De restaurantes a grandes eventos, as urnas estão presentes. Tanto para sorteios, como para caixas de sugestões. Mas você sabia que elas podem ser desenvolvidas extamente para se adequar a sua necessidade? “Para o cliente que deseja fazer sorteios de promoções o ideal é usar a urna giratória que facilita o manuseio e já mistura todos os cupons. Para guardar notas fiscais a opção mais adequada é a urna piramidal. Já para saber a opnião do seu cliente, existe a opção de caixa de sugestões, que pode ser em diversos tamanhos e modelos e ainda conter uma bolsa de formulários”, explica Thaiana Castro, da empresa Acriplanos.

Urnas em Acrílico

Além de existirem diferentes tipos de urnas, também existem vários tamanhos e preços. Anderson Rufino, da Acrilabor, explica que esse objeto pode ser feito conforme a necessidade do cliente. “Preços, tamanhos, cores e até maneiras de fechar podem ser pedidas e desenhadas pelas empesas”.

Urnas vendidas pela loja virtual Web Acrílicos
Urnas vendidas pela loja virtual Web Acrílicos

Outra preocupação do tranformadores de acrílico é com a conservação das urnas. “Apesar do acrílico ser uma material resistente e durável, o cuidado é importante para ter um produto sempre em perfeito estado”, diz, Diogo Placeres, da Acrilplast. De acordo com o designer, polir a peça com uma flanela usando um polidor doméstico oferece muito mais beleza para a urna.

Urnas vendidas pela loja virtual Web Acrílicos
Urnas vendidas pela loja virtual Web Acrílicos

Conheça os fornecedores de Urnas em Acrílico indicados pelo indac:

Web Acrílicos

Loja virtual que tem em estoque e a pronta entrega modelos de Urnas.
Website: www.webacrilicos.com.br
E-mail: [email protected]

Acriplanos

Oferece tecnologia de corte a laser e desenvolvimento de vários projetos usando o acrílico – desde de urnas a toda espécie de comunicação visual.
Fone: (71) 3384.0150/3559 (Salvador-BA)
Website: www.acriplanos.com.br
E-mail: [email protected]

Acrillaser

A Acrillaser fornece urnas, troféus e projetos de comunicação visual.
Fone: (11) 4199.4199 (São Paulo-SP)
Website: www.acrillaser.com.br
E-mail: [email protected]

Creatto Design

A Creatto desenvolve vários tipos de unas. A convencional tem até as dobradiças transparentes – ou seja é toda feita em acrílico.
Fone: (16) 3711-2888 (Franca-SP)
Website: www.creattodesign.com.br
E-mail: [email protected]

Acrilopes

A empresa oferece urnas de diferentes tamanhos, cores, transparências e formatos. Com o auxilio da tecnologia é possível personificar o produto seja fazendo um silk scream ou até mesmo uma gravação a laser.
Fone: (11) 2047.0430 (São Paulo-SP)
Website: www.acrilopes.com.br

Acrilplast

Especializada em urnas, troféus e comunicação visual a Acriplast faz urnas por encomenda.
Fone: (11) 4228.6870 (São Paulo-SP)
Website: www.acrilplast.com.br
E-mail: [email protected]

Untitled-3

O mercado de shoppings centers no Brasil tem obtido um crescimento bastante considerável nos últimos anos. São mais 900 shoppings centers, distribuídos em cerca de 150 cidades do país. Assim, cidades que até pouco tempo eram consideradas de baixo potencial, hoje possuem shoppings com bons desempenhos de vendas, descentralizando dos centros dos grandes núcleos urbanos a presença de empreendimentos de médio e grande porte. Com o crescimento do número de empreendimentos, consequentemente aumenta também a concorrência entre eles. Assim, em uma cidade como Recife, por exemplo, o que faz com que um consumidor prefira esse a aquele shopping, ou aquela ou esta loja? Uma das estratégias utilizadas é, sem dúvida, o investimento em arquitetura e decoração.

Beleza e segurança andam juntas

Uma das tendências do mercado é tornar o shopping não apenas um lugar onde se faz compras, mas sim um espaço atraente e aconchegante, onde as pessoas possam se encontrar para passear, comer ou simplesmente colocar o papo em dia. Pensando nisso, muitas empresas têm optado pela utilização de materiais nobres, como o acrílico, na sinalização, comunicação visual e em objetos de decoração e segurança de seus empreendimentos. A escolha deve-se não apenas à beleza do material, mas leva em conta fatores como segurança, transparência, leveza e facilidade de limpeza. Assim, utilizar acrílico em placas de sinalização interna é muito mais seguro já que se trata de um material muito difícil de quebrar e, ainda que quebre, não estilhaça como o vidro. Sem dizer que a transparência permite uma melhor visualização das informações, garantindo uma comunicação mais efetiva da mensagem.

Comunicação Eficiente

São inúmeros os projetos de sinalização interna de shoppings, espalhados pelo Brasil, que utilizam o acrílico como matéria prima. Um dos empreendimentos que apostou nessa tendência foi o Shopping Guararapes, em Jaboatão dos Guararapes, em Pernambuco. Desenvolvido dentro do conceito ecologicamente responsável, desde a sua fundação até o revestimento, o empreendimento – além de reaproveitar água da chuva – apostou na utilização do acrílico em toda a sua comunicação visual por se tratar de um material 100% reciclável. Para Bruno Zirpoli, da Proneon, empresa de Pernambuco, associada ao Indac, o empreendimento reúne em seu espaço modernidade e inovação. “O Shopping Guararapes é um local agradável para se fazer compras aqui em Pernambuco e, sem dúvida alguma, o uso do acrílico colabora para transmitir essa sensação aos visitantes”, conta. O projeto traz placas de sinalização produzidas em acrílico. “Mostramos aos responsável os diferenciais do material como beleza, praticidade, transparência, segurança e facilidades de acabamento. Assim, ficou fácil para que eles pudessem notar que estávamos lhe oferecendo a melhor solução. Após as instalações, o sucesso do projeto foi tamanho que surgiram demandas dos lojistas do próprio shopping por nossas soluções produzidas com o material”, conta Zirpoli.