Armazenagem de Chapas Acrílicas e Lay Out da Oficina

como-trabalhar

Armazenagem de Chapas Acrílicas e Lay Out da Oficina

Armazenagem e Preparação

As chapas acrílicas devem ser estocadas embaladas com o filme protetor original, apoiadas pelas bordas em cavaletes com base ligeiramente inclinada. Esta armazenagem proporciona apoio adequado e evita danos durante a retirada.

Empilhamento horizontal não é recomendável pois dificulta a retirada e, dependendo das partículas entre chapas, pode danificar as superfícies. Muito importante também é evitar a formação de “barrigas” que provoquem empenamento acentuado.

O filme protetor impede danos à superfície das chapas durante o manuseio e transporte. Deve ser mantido o maior tempo possível, inclusive no corte e lixamento, protegendo contra riscos. O filme deve ser previamente retirado somente nas operações que exijam pré-aquecimento da chapa.

O arranjo físico e os equipamentos da oficina dependerão do tipo e volume de trabalho a ser realizado. Ao elaborar o arranjo físico, será importante ter em mente o seqüencial normal de operações: serrar, furar, lixar e polir. A forma ideal, é que cada operação deverá ser separadas da outras com divisórias ou ambientes, para não haver propagação dos fragmentos, cavacos e poeira.

Lay Out da Oficina para o trabalho com Acrílico

O equipamento deve ser instalado de modo a permitir fácil acesso de todos os lados, facilitando a limpeza e remoção dos fragmentos do material trabalhado. Sempre que possível, deverá ser instalado em cada máquina um equipamento adequado para a aspiração do pó.

Os principais equipamentos/ferramentas e dispositivos utilizados para trabalhos com chapas de acrílico são:

  • Serras circulares (para cortes retos) e serras de fita (para cortes curvos)
  • Furadeira de bancada e furadeira manual
  • Tupia, Fresadora e Torno
  • Lixadeira e Desempenadeira
  • Politriz
  • Pantógrafo
  • Máquina de Corte e Gravação a Laser
  • Fresa CNC – “Router”
  • Dobradeira
  • Forno ou estufa
  • Morsa e Grampos tipo sargento

4 comments

Join the discussion

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *